junho 18, 2007

O tempo passa e a gente não nota. Não nota mesmo. Antes, demorava horrores para chegar o Natal ou as férias. Hoje, o mês passa, e parece uma semana... Uma semana voa... Os desejos e objetivos mudam. E, principalmente, as preocupações mudam. Rio quando lembro quais eram os meus grandes problemas quando eu tinha 15 anos. Já eram outros (e talvez ainda mais graves) quando eu tinha 17. E, agora, tenho 30. E o tempo passou. E eu quase não vi. Vivi muito, aproveitei é verdade. Mas com certeza me assustaria se reunisse em uma única sala todos os calendários e folhinhas de meses e dias das minhas três décadas. Por que esse debate agora? Senti algo estranho no meu aparelho hoje. Na realidade, no arco metálico fixo nos meus dentes inferiores, que uso desde que tirei o aparelho. Mandei um e-mail para a Maricota e pedi o telefone do nosso ortodontista. Não achei o Dante no Google. Liguei e a secretária atendeu... Contei que estava com problemas, e que eu achava que a cola tinha caído. Será que eu comi? Disse também que fui paciente dele. E queria saber como isso funcionava, de repente voltar ao consultório. Pois é, daí falei para ela, tirei o aparelho em 1998 (MEU DEUS!!!!) e usei o móvel, conforme orientações do Dante, até casar. Isso aconteceu em 2004 (NOOOOSSA!!!) e nunca mais apareci lá desde 1999 (TANTO ASSIM???)... Ultrapassei novas barreiras... Agora coisas banais da minha vida (já de moça independente – não contam as coisas que os pais ainda faziam quando eu era criança) já completam seus 10 anos, 15 anos... Daqui a pouco, estarei contando: "Mas essa viagem foi há 30 anos"... "Eu conheci a Fulana há 40 anos"... Meu Deus! É. Não tem o que fazer. Essa coisa toda veio sem manual, e sem botão de stop...

4 comentários:

a balzaquiana disse...

Ai, meu Deus... que desespero me deu agora...

Lu Thomé disse...

Bibi, força e respiração constante. É o caminho. Beijos!

...Manoto...! disse...

Sabe o que tu faz?

Pega tua vida, salva em JPG, claro...
Abre o Paint Brush, mesmo...
Cola o JPG nele...
E coloca "Salvar Como"...
Aí tu dá um nome novo pra essa vida toda...
Simples assim! Como na Feira do Livro!
E nunca mais tu terás registros de alterações de Photoshop na tua vida construída por lembranças tão antigas que te fazem parecer velha...
Assim tu vai ter lembranças antigas de um novo arquivo .vital...
Pelo menos vai continuar te sentindo jovem...

Hehehehe!!!
Mas, claro, se nada disso fizer sentido...
NÃO APERTA O RESET, SENÃO TU VAI PERDER TODO TEU HD MENTAL!!!
Hahahahaha!!!

Que bobagem... Hehehehe!

Beeeeijo!!!

Lu Thomé disse...

hehehehehehehe... Filosofia de Photoshop? Tá bem... Topamos tudo.

Beijos!