março 02, 2008

Pense e aja no fim de semana. Prepare uma lista de compras. Tenha certeza de que o shopping estará lotado. Deseje comer um iogurte com frutas vermelhas e cereais. Saiba que a fila no McDonald’s será arrastada. Resolva assistir Tropa de Elite, finalmente. Tenha consciência de que a locadora estará sem cópias disponíveis. Volte a saborear o curry que tanto gosta. Conheça a realidade de que até mesmo a telentrega vai demorar mais dessa vez. Não resisto à inevitável teoria do inferno astral. Um mês antes do aniversário. Mas a verdade é que, comunidades como a que eu faço parte, se acostumam muito mal no verão. Toda a cidade e os serviços disponíveis à nossa mercê. Sem mar, areia ou sol... No entanto, podemos conhecer a Porto Alegre com menos fila, menos tempo de espera, mais oportunidades, mais facilidades. Fico triste quando o fim do verão desponta. Mas, mais desagradada ainda quando os veranistas voltam. E com eles o trânsito caótico, a superpopulação, as dificuldades. E a paciência. Porque esse quesito realmente não pode faltar ao cidadão urbano moderno...

4 comentários:

Marcos disse...

ó...achei isso e achei que tu ia curtir
A últiam ceia...versão House
http://www.myconfinedspace.com/2008/01/14/house-last-supper/

Lu Thomé disse...

Show de bola! Salvei aqui no note! :-)

Beijos!

Tati... Aprendiz de Arquiteta disse...

eu amo POA no verão... mas as férias acabaram...humpf!

Nessita! disse...

eu acredito em inferno astral.