março 11, 2008

- Pode levantar a saia.
- Ok.
- Um pouco mais.
- Ok...
Ele agarra meus tornozelos, e puxa forte as duas pernas.
- Tem uma diferença aqui.
- Sim...
- Uma perna é mais comprida que a outra.
- Sim, eu sei...
- A direita é mais fraca... Olha!
- Ai!
- Por isso tu está mal do joelho. Se quiser saber qual a exata diferença, podemos fazer um exame.
- Nove milímetros. Sei isso há anos.
Ele estica a perna até quase meu rosto.
- Teu alongamento é bom.
- Eu sei. Fiz três anos de yoga e agora faço pilates.
- Pode continuar, então.
- Está certo.
- Tua rótula está ótima.
- Legal.
- E essa sensibilidade é normal. Olha, tu sente dor nos dois joelhos...
- Aaaaaaaaaaaaaaaaaiiiiii!
- E me diz: que tal usar um sapato especial, com o solado mais alto só num dos pés?
- Nem pensar!
- Está bem! Então nem vou sugerir.
- Obrigada, doutor!
- De nada, gurizinha. Coloque gelo nesse joelho! Muito gelo! E alonga sempre, e deixa a perna direita mais forte...
- Ok...
- Pode baixar a saia agora.

4 comentários:

Moni disse...

assim? sem nem um beijinho na nuca?

médico sem graça...

:)

Lu Thomé disse...

Imagina... O marido estava do outro lado do biombo... O médico que não se metesse a besta... hehehehehehe.

Beijos!

Mari Thomé disse...

Hehehee
Mas uma palmilha jah nao faria o serviço dos 9mm??

Isso dá quase o nome de um filme... Hehehehe

Lu Thomé disse...

É! De terror!!!

Beijos!